segunda-feira, 18 de junho de 2012

ONU: 800 mil pessoas fugiram de seus países em 2011

As crises na Líbia, Sudão, Somália, entre outros lugares, obrigaram cerca de 800 mil pessoas a fugirem de seus países no ano passado. O número é o mais alto em 11 anos, revelou a Agência das Nações Unidas para Refugiados (Acnur). Um relatório disponibilizado na segunda-feira pela Acnur informou que, incluindo as pessoas que deixaram seus lares, mas não seus países, um total de 4,3 milhões de pessoas se deslocaram em 2011. A quantidade de refugiados que cruzaram as fronteiras de seus países foi a maior desde 2000, quando o número ficou em 822 mil. No entanto, o número total das pessoas que ou eram refugiados, deslocados internos ou estavam no processo de asilo no final do ano passado caiu para 42,5 milhões, de 43,7 milhões em 2010. Leia mais em O Globo.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

.

.