segunda-feira, 18 de junho de 2012

Cachoeira pode ser solto ainda hoje

Carlinhos Cachoeira
O desembargador do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, Cândido Ribeiro, pretende continuar com o julgamento do habeas corpus de Carlinhos Cachoeira nesta segunda. Se liberado, o bicheiro poderá ser solto e as provas das operações Vegas e Monte Carlos, realizadas pela Polícia Federal, poderão ser anuladas. Na última terça, o desembargador Tourinho Neto, relator da ação na Corte, considerou as provas apresentadas ilícitas e votou a favor da anulação das interceptações telefônicas. Além de Neto, um terceiro colegiado tem direito a voto, o juiz federal Augusto Souza. Se um dos dois magistrados concordar com os argumentos do relator, as provas deverão ser retiradas dos autos. (Blog do Claudio Humberto)

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

.

.