domingo, 17 de junho de 2012

Eleição define futuro da Grécia na zona do euro

A Grécia realiza, neste domingo, a eleição mais importante desde a queda da ditadura, segundo define a imprensa local. O futuro do país abalado pela crise econômica é importante para toda a União Europeia, já que o novo governo pode rejeitar acordos para socorro financeiro internacional, levando a Grécia a dar um calote em dívidas públicas e sair da zona do euro. O país recebeu ajuda internacional de 110 bilhões de euros em 2010, e de 130 bilhões de euros no ano passado. O dinheiro foi usado para pagamento das dívidas do país, mas grande parte da população está descontente com as condições do acordo, que exige medidas duras de redução de gastos públicos. Apenas um dos partidos na eleição se compromete a manter os compromissos que foram firmados com autoridades financeiras e com a União Europeia. Os demais prometem várias medidas de rompimento, como o fim imediato da austeridade. (Revista Época)

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

.

.