domingo, 29 de abril de 2012

Vevé Calazans morreu brigando por indenização de R$ 500 mil do jingle “ACM, meu amor”

Vevé Calazans morreu brigando na Justiça (a ação corre em segredo), ao lado do cantor Gerônimo, o parceiro, por uma indenização de R$ 500 mil pela autoria do jingle ACM, Meu Amor (aquela que diz A… A… ACM, meu amor…), tida como uma das mais bem feitas peças já produzidas pelo marketing político. Vevé disse ao amigo Chocolate da Bahia que o contrato original era para o jingle ser usado à vontade enquanto ACM fosse vivo. Queria o dinheiro para ajudar a bancar a luta que travava contra o câncer. (A Tarde)

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

.

.