quarta-feira, 28 de julho de 2010

EM BIOGRAFIA, MARINA ATACA DILMA E ELOGIA SERRA

Marina Silva cita Serra de forma positiva 5 vezes e atribui a Dilma sua queda no governo




O livro da biografia oficial da candidata do PV ao Planalto, Marina Silva, dispara críticas contra a petista Dilma Rousseff e tece elogios a José Serra (PSDB). A obra sugere que postulante do PT não "levava a sério" o licenciamento ambiental das obras do PAC e contribuiu para sua queda do governo Lula, em 2008. O livro elogia José Serra (PSDB) e chama o ex-ministro de Assuntos Estratégicos Mangabeira Unger, desafeto de Marina, de "advogado carioca de sotaque esquisito". Dilma é citada oito vezes, sendo três de forma neutra e cinco em tom negativo, no capítulo que trata do pedido de demissão da senadora. Serra é citado cinco vezes, nenhuma delas em tom negativo. Em um trecho, o livro lhe dá crédito pela aprovação de subsídio para seringueiros do Acre, estado da senadora, no governo FHC. "Marina - A vida por uma causa" é assinado pela jornalista Marília de Camargo César e será lançado no próximo dia 9 pela editora evangélica Mundo Cristão. Informações da Folha.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

.

.