segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Itabuna: Governo prioriza obras e investimentos em inclusão








O prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, define os três primeiros anos de seu mandato como um período de superação de desafios: primeiro, para enfrentar uma epidemia de dengue em 2009; depois, com a luta para retomar a gestão plena da saúde, uma questão que está no âmbito da Justiça Federal. Mesmo com perdas de recursos do FPM em 2010, o governo teve também como marcos a realização de obras e projetos voltados para a população carente, em situação de risco nos bolsões de pobreza na periferia da cidade.


Entre as obras implementadas, estão a reurbanização da Cinquentenário, que ganhou novos passeios, espaços para pedestres e deficientes, bem como um moderno sistema de iluminação com leds. O prefeito lembra que nestes três anos o governo municipal conseguiu recordes na captação de recursos, salientando que somente em 2011 foram negociados junto ao governo federal R$ 84 milhões para obras e projetos.



Mobilidade urbana



A Prefeitura também avança com as obras do Canal do Lavapés e urbanização da Avenida Amélia Amado, um projeto que tem investimento de R$ 12,8 milhões, oriundos do Ministério da Integração Nacional, com uma contrapartida do governo municipal. A intervenção visa à melhoria do tráfego na área central da cidade e a humanização da Amélia Amado.

Azevedo salienta que também investiu em projetos de mobilidade urbana, como a pavimentação da Avenida Pedro Jorge, além da ampliação da ponte da Rua Felícia de Novaes, com mais uma opção de acesso à BR-415, trecho Itabuna-Ilhéus, e construção de uma ponte no bairro São Roque, que acabou facilitando a construção de mil apartamentos do programa Minha Casa Minha Vida naquela área da cidade. Foram mais R$ 40 milhões em investimentos.



Bairros ganham infraestrutura urbana e serviços públicos



A Prefeitura de Itabuna vem intensificando, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano obras de infraestrutura, urbanização e melhoria da mobilidade nos bairros do São Pedro e Zizo. No São Pedro, além da conclusão das obras da avenida Pedro Jorge, uma equipe da Emasa implanta esgotamento sanitário e pluvial em 15 ruas.

Após 18 anos de existência, o bairro Jorge Amado está sendo contemplado com o maior volume de recursos em infraestrutura de toda a , que estão modificando sete ruas da comunidade. A obra, com um custo de R$ 1,6 milhão, é resultado de emenda do deputado federal Luís Argolo (PP).

No bairro São Roque, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e a Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa) retomarão as obras de esgotamento sanitário convencional e pluvial, de pavimentação de ruas e a construção de passeios da rua Independência, no São Roque até a avenida Itajuípe, no Santo Antônio.

Ponte

O prefeito anunciou semana passada a construção de uma ponte interligando a rua São Sebastião, no bairro de Fátima, à rua A, no loteamento Rufo Cunha, como alternativa para melhorar a mobilidade urbana e desafogar o tráfego na avenida Juracy Magalhães. A obra terá um custo estimado de R$ 400 mil e será concluída num prazo de seis meses.

A nova ponte, com 130 metros quadrados, pista de rolamento de 7,5 metros de largura, além de guarda-corpo, passeio para pedestre, sinalização e iluminação, será um importante eixo viário, uma vez que, além de melhorar o escoamento do tráfego em direção à avenida Ilhéus, abre um novo acesso para o Hospital Manoel Novaes e reduzirá os congestionamentos na Juracy Magalhães.


Ascom da prefeitura de Itabuna/ Texto: Kleber Torres Fotos: Valdyr Gomes, Pedro Augusto e Vinícius

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

.

.