sábado, 25 de fevereiro de 2012

Testes de Gravidez!

Vou detalhar um pouco quais e como funcionam os testes para detectar a gravidez:


Testes de farmácia


Em vez de um exame de sangue, que tem de ser feito em laboratório, as mulheres estão tornando-se cada vez mais adeptas dos testes comprados em farmácia. A vantagem é que eles custam menos: entre R$ 14,00 e R$ 30,00, de acordo com a marca, enquanto os testes em laboratório custam cerca de R$ 50,00.

A praticidade e aparência simples podem dar a impressão de que esses testes de farmácia não são confiáveis. Não é verdade. "Seguindo corretamente as instruções de uso, a precisão é de praticamente 100%", atesta o obstetra Francisco Gonzaga, professor da Universidade Federal Fluminense (UFF). Mas claro que, sendo diagnosticada a gravidez, é fundamental uma vista urgente ao ginecologista para fazer um exame mais detalhado.

A maior parte dos testes de farmácia utiliza uma fita de papel ou vareta, que é colocada num recipiente com a urina. Cerca de cinco minutos depois, o indicador adquire uma cor específica para cada resultado, negativo ou positivo. "O processo ocorre por conta de um anticorpo presente na fita, que vai se conectar com o HGC (hormônio da gravidez) e modificar a coloração", explica o médico. Lembre que a produção de HCG só se inicia após a nidação (http://anunes.e-familyblog.com/note/2569).

Exame de sangue

É o exame normalmente solicitado pelos médicos em casos de suspeita de gravidez, chamado Beta HCG. O processo é feito a partir da análise da taxa do hormônio HGC presente no sangue, que é produzido a partir da nidação (http://anunes.e-familyblog.com/note/2569). Atualmente, há laboratórios que entregam o resultado no mesmo expediente e a probabilidade de acerto é de 100%.

O Beta HCG pode ser quantitativo ou qualitativo.

O Beta qualitativo apenas indica se houve detecção de HCG suficiente (acima de 25 mUI/ml) dando de resultado POSITIVO ou NEGATIVO.

Já o Beta quantitativo indica o valor da taxa encontrada no sangue, podendo indicar o tempo de gestação. Conforme segue:

IDADE FETAL
VR: NEGATIVO .........: ate 4.9 mUI/mL
INCONCLUSIVO......: 5.0 a 49.9 mUI/mL
POSITIVO..........: Superior a 50.0 mUI/mL
01 a 02 semanas...: 50 a 500 mUI/mL
02 a 03 semanas...: 100 a 5000 mUI/mL
03 a 04 semanas...: 500 a 10000 mUI/mL
04 a 05 semanas...: 1000 a 50000 mUI/mL
05 a 06 semanas...: 10000 a 100000 mUI/mL
06 a 08 semanas...: 15000 a 200000 mUI/mL
02 a 03 meses.....: 10000 a 100000 mUI/mL

IDADE GESTACIONAL
2ª semana = 1,1 a 38,9 mU/ml
3ª semana = 39,0 a 444,1 mU/ml
4ª semana = 444,2 a 2.739,6 mU/ml
5ª semana = 3.000 a 5.900 mU/ml
6a semana = 6.000 a 19.000 mU/ml
7a semana - 20.000 a 49.000 mU/ml
"pico" da 8a a 10a semana 50.000 a 100.000 mU/ml

Ultra-som transvaginal

"Quando supõe-se que a gravidez tem mais de cinco semanas, costuma-se pedir um exame de ultrassom transvaginal, além do hemograma (exame de sangue), porque a gestação pode estar sendo desenvolvida fora do útero. Leia também http://anunes.e-familyblog.com/note/1605


Fontes de consulta: Site Terra, site e-Famiily e IPGO.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário