quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Durante cortejo, Aleluia mantém seu nome ao governo


Aleluia e ACM Neto
“A Lavagem da Igreja do Senhor do Bonfim é uma tradição popular. Reúne harmonicamente manifestações religiosas e profanas que simbolizam a riqueza cultural da Bahia. Para mim, participar do cortejo é a oportunidade de encarnar o espírito da baianidade”, filosofou o secretário municipal de Urbanismo e Transporte, José Carlos Aleluia, ao chegar na manhã desta quinta-feira, à Praça Cairu, ponto de partida da caminhada de oito quilômetros até a Colina Sagrada. Ao lado do ex-governador Paulo Souto, Aleluia não conseguiu evitar os questionamentos da imprensa sobre as eleições deste ano. Elogiou o correligionário que, assim como ele, é um dos pré-candidatos do Democratas ao governo do estado, mas manteve firme sua disposição de ser o escolhido para representar a oposição no pleito.
“Paulo Souto é um grande nome. Já provou sua competência e capacidade em dois mandatos de governador, eleito pelo povo. Se ele quiser ser o candidato, não me oponho a ele. Mas, enquanto ele não se decidir, mantenho o meu nome como pré-candidato. Quero mostrar o que um menino nascido e criado na Caixa D’Água pode fazer pela nossa Bahia”, afirmou Aleluia.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

.

.